Dinâmica do Sistema de Aquaponia

    

Depois da alimentação, os peixes produzem resíduos (fezes) ricos em amônia. As bactérias presentes nas plantas são responsáveis por transformar a amônia em nitritos e depois realizam mais uma quebra até virar nitratos.

    Os nitratos resultantes são utilizados pelas plantas como nutrientes, atuando como fertilizantes. As raízes das plantas são as responsáveis por filtrar a água que irão abastecer o tanque dos peixes e oxigenar o ambiente. É fundamental esse oxigênio no sistema de Aquaponia porque tem a função no crescimento das plantas e na sobrevivência dos peixes.

    Esta técnica é livre de PESTICIDAS e FERTILIZANTES QUÍMICOS, MINIMIZA ATÉ 90% menos água que a agricultura convencional e outros recursos naturais. O sistema fica mais eficiente a cada ano, sem necessidade de limpeza dos tanques de cultivo.

    Não há necessidade do uso da terra, o cultivo é feito em água, usando como mídia de sustentação, entre outros. Este meio de cultivo oferta ECONOMIA DE ÁGUA, PRESERVAÇÃO AMBIENTAL E SAÚDE. Aquaponia pode ser realizada em pequenos locais como quintais, varandas ou até mesmo com âmbito comercial.

    Na aquaponia, se manejada com responsabilidade e em condições favoráveis, há uma eficácia de até 40% no cultivo, isso significa mais produção em menos tempo, o que se resume em economia de recursos como energia, por exemplo, todo o sistema é 100% orgânico, uma vez que em qualquer químico tóxico causaria a morte dos peixes, a fonte de nutrientes principal.

                    Este sistema é, DE FATO, agroecológico e inovador.






Comentários (2)

Jose rubens nogueira silva

16 Fevereiro, 19
quero saber o preço dos tubos, e as mídias

valmir marques carneiro

16 Fevereiro, 19
quero comprar a apostila e se possivel fazer um curso presencial ou possivel consultoria in loco com vcs. Estarei em SP em agosto Me passe informaçoes sobre essas possibilidades. zpois quero implantar um pequeno projeto na area para produçao organica de folhosas

Deixe um comentário